Amazonas

Governo anuncia 31 prisões de envolvidos em ataques no Amazonas

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), anunciou no início da tarde desta segunda-feira (07/06/21), 31 prisões de pessoas envolvidas em incêndios, depredações em veículos, espaços públicos e agências bancárias ocorridos neste final de semana em várias cidades do estado. As ações foram executadas tanto na capital quanto no interior do estado, nos municípios de Carauari, Careiro da Várzea e Rio Preto da Eva.

Em coletiva de imprensa, o secretário de Segurança Pública, Louismar Bonates, afirmou que entre os presos estão alguns dos líderes que comandavam os ataques. Nas ações, duas armas de fogo foram apreendidas, entre elas uma metralhadora. Como medida de segurança, mais de 40 barreiras de fiscalização foram montadas em toda a cidade para abordagens e vistorias de veículos, entre elas uma na cabeceira da Ponte Jornalista Phelippe Daou, a Ponte Rio Negro.

Força Nacional – Ainda na noite de domingo (06/06), o governador Wilson Lima formalizou o pedido de apoio ao Ministério da Justiça e Segurança Pública para o envio de tropa da Força Nacional de Segurança. A meta é reforçar o trabalho das forças de segurança estaduais no combate ao crime organizado no Amazonas.

Conforme o secretário Louismar Bonates, mais de 250 equipes das Polícias Civil e Militar foram colocadas nas ruas devido aos ataques criminosos. Com a chegada das tropas da Força Nacional, será possível fortalecer as ações no interior do estado. A data para a chegada da tropa e a quantidade de policiais a ser enviada ao Amazonas ainda não está confirmada.

“A Secretaria Nacional de Segurança Pública está avaliando, junto com a sua equipe, quais são os policiais e quantos pode mandar para cá, considerando que eles também têm outras missões de outros estados da federação. Vai ser disponibilizado o maior número possível que esteja em condições de vir para cá”, disse Bonates.

Com informações da Secretaria de Estado da Comunicação (Secom). Foto: Lucas Silva/Secom

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: