Amazonas

Amazonas: menos da metade da população em idade de trabalhar está ocupada

Amazonas apresenta a 6ª maior taxa de desocupação do país. Percentual de pessoas que procuraram emprego, mas não conseguiram subiu 3,0 pontos percentuais no primeiro trimestre de 2021, segundo o IBGE

O percentual de pessoas que procuraram emprego, mas não conseguiram no Amazonas subiu 3,0 pontos percentuais no primeiro trimestre de 2021. Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua, divulgada na última quinta-feira (27/05) pelo IBGE. Com esses números, o estado apresenta a 6ª maior taxa de desocupação do país.

Em relação ao mesmo trimestre do ano anterior, o total da população de 14 anos ou mais do Amazonas nesta condição chegou a 17,5%. Na comparação entre o primeiro trimestre de 2021 e o trimestre anterior, houve aumento de 2,0 pontos percentuais. A queda foi registrada tanto no setor público quanto no privado. Ou seja, menos da metade da população em idade de trabalhar estava ocupada.

De acordo com Adriana Beringuy, analista da pesquisa, esse aumento da população desocupada é um efeito sazonal esperado. “As taxas de desocupação costumam aumentar no início de cada ano, tendo em vista o processo de dispensa de pessoas que foram contratadas no fim do ano anterior. Com a dispensa nos primeiros meses do ano, elas tendem a voltar a pressionar o mercado de trabalho”.

Foto: Márcio Azevedo / Semcom

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: