Amazonas

Bancada do Amazonas garante seis votos para aprovação da PEC Emergencial

Apenas um dos sete deputados federais do Estado se absteve. Os demais votaram "sim"

Aprovada nesta quinta-feira (11/03), a PEC Emergencial  (PEC 186/19) teve apoio em peso da bancada do Amazonas na Câmara dos Deputados. Apenas um dos sete parlamentares que representam o estado se absteve: José Ricardo (PT). Todos os demais, Átila Lins (PP-AM), Sidney Leite (PSD-AM), Silas Câmara (Republicanos-AM), Bosco Saraiva (Solidariedade-AM), Capitão Alberto Neto (Republicanos-AM) e Delegado Pablo (PSL-AM) votaram favoravelmente à matéria.

A PEC permite ao governo federal um duro ajuste fiscal aos entes federados, o que impacta diretamente o funcionalismo público do país. A proposta foi batizada pela oposição como “PEC do arrocho”, já que penaliza servidores públicos da União, estados e municípios, sem definir o valor exato do auxílio, que com certeza será menor que as parcelas pagas em 2020. A Frente Parlamentar Mista em Defesa do Serviço Público estima que essas regras devem levar a um congelamento salarial do funcionalismo até 2036.

Fotos: Agência Câmara

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: