Amazonas

Covid-19: Governo e Prefeitura correm para ampliar rede de atendimento

As equipes da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), juntamente com outros órgãos do Governo do Amazonas, fizeram na quinta-feira (31/12), último dia de 2020, anunciaram um grande movimento em rede para garantir o reforço da assistência, com a ampliação no número de leitos para pacientes com Covid-19.

Na tarde da quinta-feira, para permitir a ampliação de leitos no Hospital e Pronto-Socorro (HPS) 28 de Agosto e na Fundação de Medicina Tropical Doutor Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD), a Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (FHemoam) fez a doação de 36 camas especiais para leitos de UTI, 36 escadinhas para maca e sete macas.

Para garantir que os equipamentos começassem a ser instalados nas unidades ainda na quinta-feira, foram mobilizadas equipes da Polícia Militar, Defesa Civil e Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM) que, juntamente com as equipes da SES-AM, realizaram toda a logística de transporte das camas da FHemoam para as unidades.

Prefeitura

O novo prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), prepara um pacote de medidas para combater a pandemia da Covid-19 na Capital. O anúncio foi feito nesta sexta-feira, 1º/1, primeiro dia de seu mandato. Na próxima segunda-feira, 4/1, o prefeito de Manaus se reunirá com representantes do Ministério da Saúde. Na ocasião, novas medidas serão discutidas para combater o novo pico da doença na Capital do Amazonas.

David Almeida disse que busca parceria com o Governo do Estado para reabrir o hospital de campanha Nilton Lins, que possui 350 leitos, mas que a ação da Prefeitura deve ser condizente com as prerrogativas legais do próprio poder municipal na questão da saúde.

Com informações da Secretaria de Estado da Comunicação (Semcom). Foto: Divulgação/SES-AM

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: