Esportes

Série D: Fast e Moto Club-MA duelam por vaga nas oitavas de final

Após empatarem por 2 a 2 há uma semana, Fast Clube-AM e Moto Club-MA se reencontram neste domingo (13), às 18h (horário de Brasília), para o jogo de volta do confronto pela segunda fase da Série D do Campeonato Brasileiro. O duelo na Arena da Amazônia, em Manaus, será transmitido pelo Vocativo.com.

A partida do último domingo (6) foi disputada no estádio Nhozinho Santos, em São Luís. O atacante Edrean abriu o placar para o Moto aos cinco minutos do segundo tempo, mas as emoções ficaram reservadas para os minutos finais. Aos 38, o atacante Dija Baiano empatou para o Fast. Quatro minutos depois, o meia Flamel marcou um golaço e recolocou o Papão à frente. No último lance dos acréscimos, o lateral Régis (ex-São Paulo) evitou a derrota do Rolo Compressor.

Caso as equipes voltem a empatar em Manaus, a decisão da vaga às oitavas de final será nos pênaltis. O Tricolor amazonense disputa o mata-mata da Série D pela primeira vez e busca a classificação inédita. O Rubro-Negro maranhense tenta repetir o feito de 2016, quando obteve o acesso à Série C.

No Fast, o técnico Lecheva ainda não sabe se terá o atacante Daivison à disposição. Artilheiro do Rolo Compressor na Série D com sete gols, ele sentiu um desconforto no músculo reto femural da coxa direita antes do último jogo e não participou de parte dos treinos da semana. Se não atuar, pode ser substituído por Mateus Oliveira, titular em São Luís. Se repetir a formação do domingo passado, o Tricolor deve alinhar com Alencar; Bernardo, Bernardo Benjamin, Alison e Ítalo; Dênis Pedra, Márcio Passos, Marco Goiano e Janeudo; Mateus Oliveira e Ronan.

No provável time titular estão dois dos cinco reforços trazidos pelo Fast para a reta final da Série D: os meias Márcio Passos e Janeudo, ambos ex-Manaus, assim como o goleiro Bruno Saul e o zagueiro Thiago Spice. Outra contratação foi Dija Baiano, que estava no Volta Redonda e balançou as redes logo na estreia, justamente no duelo contra o Moto.

O Moto teve uma semana atribulada, com a saída do técnico Léo Goiano na terça-feira (8) e o retorno de Marcinho Guerreiro ao posto, anunciado na quinta-feira (10). O novo treinador dirigiu a equipe na conquista do Campeonato Maranhense de 2018. São cinco desfalques para o jogo deste domingo: o zagueiro Ferron e meia Ricardo Maranhão estão contundidos, o atacante Allan Patrick está liberado para acompanhar a mãe, que está com problemas de saúde; e o lateral Wesley e o zagueiro Martony testaram positivo para o novo coronavírus e estão com a covid-19.

Dos cinco, Wesley e Martony foram titulares contra o Fast. No lugar do primeiro, as opções são os laterais Vitinho (que atuou como meia ofensivo no jogo passado) e Jeff Silva. Na vaga do segundo, o defensor Ronald Camarão, banco na partida anterior, deve ser o escolhido. O provável time terá: Saulo; Guilherme Rocha, Camarão, Julio Pitt e Vitinho; Lucas Gonçalves, Abu, Derlan e Flamel; Wallace Lima e Edrean.

Adversário na próxima fase

Quem se classificar no confronto entre Fast Clube-AM e Moto Club-MA pegará o Globo FC nas oitavas de final. A Águia de Ceará-Mirim garantiu a classificação com um empate de 1 a 1 com o ABC no último sábado (12). No jogo de ida, a equipe potiguar venceu por 2 a 1.

Com informações da Agência Brasil. Foto: Moto Clube

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: