Covid-19: Japão em alerta máximo e Europa busca evitar novos lockdowns

0
Seoul Coreia- 22 10 2020- Foto do fotojornalista brasileiro Sebastiao Moreira na exposicao de Fotojornalismo na cidade de Seoul na Coreia sobre a pandemia do Covid 19- Foto Jeon Han

Tóquio elevou o alerta do novo coronavírus para o nível máximo nesta quinta-feira (19), já que sua contagem diária de novas infecções alcançou o recorde de 534. A governadora de Tóquio, Yuriko Koike, pediu o máximo de cautela agora que as festas de fim de ano se aproximam.Covid-19: Japão em alerta máximo e Europa busca evitar novos lockdowns 1Covid-19: Japão em alerta máximo e Europa busca evitar novos lockdowns 2

A contagem também atingiu uma nova alta de 2.363, de acordo com a emissora pública NHK. Mas é a disseminação do vírus na metrópole de Tóquio, que espera sediar os Jogos Olímpicos remarcados para o ano que vem, que causa mais alarme. “O número de casos do novo coronavírus está aumentando, então estamos estudando quais medidas serão necessárias tendo em vista que as infecções podem chegar a mil casos por dia”, disse Yuriko Koike.

Para ela, a quantidade de casos crescerá ainda mais devido ao aumento dos exames. A governadora enfatizou a necessidade de evitar a elevação do número de pacientes gravemente doentes. O alerta mais alto de uma escala de quatro indica que “as infecções estão se disseminando” na comparação com o alerta anterior e segundo mais alto, “as infecções estão começando a se disseminar”.

O primeiro-ministro japonês, Yoshihide Suga, afirmou que o governo está cogitando endurecer as diretrizes para se comer fora, como limitar a iniciativa subsidiada “Vá Comer” a grupos de até quatro pessoas.

Europa

Novos lockdowns na Europa são evitáveis, inclusive por meio do uso quase universal de máscara, disse o diretor regional da Organização Mundial da Saúde (OMS) para a Europa, Hans Kluge, nesta quinta-feira (19).Covid-19: Japão em alerta máximo e Europa busca evitar novos lockdowns 3Covid-19: Japão em alerta máximo e Europa busca evitar novos lockdowns 4 “Os lockdowns são evitáveis, mantenho minha posição de que os lockdowns são uma medida de último recurso. Se o uso da máscara atingir 95%, os lockdowns não serão necessários”, disse Kluge em entrevista coletiva.

As escolas primárias devem ser mantidas abertas, afirmou ele, acrescentando que crianças e adolescentes não estão provocando a propagação do novo coronavírus, conhecido como Sars-CoV-2, e o fechamento de escolas “não é eficaz”.

Com informações da Agência Brasil. Foto: Jeon Han

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui