O aniversário mais triste de Manaus

0

É bem pouco provável que o ano de 2020 inspire desejo de comemoração a qualquer pessoa, mas os habitantes de Manaus carregam neste sábado um sentimento ainda mais amargo. Neste sábado (23/10), quando a capital do Amazonas completa 351 anos de existência não há apenas o sentimento de luto, mas de que ela está machucada, ferida, humilhada.

Até o momento em que escrevo esse texto, perdemos exatamente 2.818 dos nossos cidadãos. Tudo isso em sete meses da pandemia do novo coronavírus. Nunca na história, tantos dos seus moradores morreram em tão pouco tempo. E a forma como isso aconteceu, com imagens de covas coletivas ganhando o mundo, somada à certeza de que muitas delas eram evitáveis e a incerteza de quando esse pesadelo vai acabar, nos fazem perguntar: onde erramos?

A resposta para essa pergunta é tão simples quanto cruel: porque negligenciamos a nós mesmos. Passamos décadas elegendo governantes incompetentes e corruptos, que permitiram que a cidade crescesse desordenadamente, produzindo o pior modelo de moradia e transporte possível, que a rede pública de assistência em saúde (na capital e no interior) fosse sucateada e que a economia ficasse totalmente dependente do Pólo Industrial de Manaus e do comércio informal. Todos esses fatores, eram uma bomba relógio prestes a explodir, bastando uma fagulha para isso. Nesse contexto, um vírus altamente contagioso e mortal funcionou com uma bomba atômica. A conta chegou.

O momento é de luto, mas também de reflexão. Esse ano, teremos eleições municipais. Que seja o início da mudança. Descobrimos do jeito mais doloroso o quão mortal pode ser um voto irresponsável em políticos descompromissados com o povo e princípios básicos da constituição. Que de toda essa dor saia a lição: no seu voto está o seu futuro e a chance de construir uma cidade melhor.

Queria te desejar feliz aniversário, Manaus, mas não consigo. Mas torço para que você acorde o quanto antes desse triste pesadelo e tenha dias melhores. E acima de tudo, saiba que tragédias como essa podem ser evitadas. Basta apenas que você construa um futuro melhor para si mesma.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui