Amazonas

Governo nega greve, mas silencia sobre pagamento de funcionários da saúde

Enfermeiros do Hospital 28 de Agosto, zona centro-sul de Manaus, anunciaram neste domingo (26) que vão paralisar as atividades durante manifestação nesta segunda-feira (27). O motivo seria a falta de Equipamentos de Proteção Individuais (EPIs) e o pagamento dos salários que estão atrasados há 8 meses. No entanto, segundo o governo do Amazonas, não haverá paralisação das atividades do hospital.

Em nota enviada ao Vocativo.com pela Secretaria de Estado da Comuniação (Secom) “não há ameaça de paralisação até porque não está faltando Equipamentos de Proteção Individual (EPI) na rede estadual. Trata-se de uma manifestação pessoal e isolada de um servidor que, por falta ou pedido de afastamento, já não vinha cumprindo a escala de trabalho”, diz o texto.

A nota afirma ainda que a presidente do Sindicato dos Enfermeiros, Graciete Mouzinho, “falta com a verdade, porque todos os profissionais, incluindo ele, que estão nos setores de emergência, Sala Rosa, Politrauma e UTI estão recebendo máscara N95 e outros EPIs necessários”.

O governo afirma ainda que entre os dias 17 e 24 de abril, o HPS 28 de Agosto recebeu da Central de Medicamentos do Amazonas (Cema) cinco remessas de EPIs, com 143,1 mil itens, incluindo 18 mil máscaras cirúrgicas, 700 máscaras N95, 1 mil máscaras de proteção respiratória, 850 kits completos de EPIs produzidos pela UEA, entre outros equipamentos de proteção.

A Secretaria Estadual de Saúde afirma, por sua vez estar orientado o uso racional e correto de EPIs, conforme recomendações da Anvisa e da Fundação de Vigilância em Saúde e, desde o início da pandemia.

Atraso e assédio

Outras duas acusações feitas por Graziete não foram respondidas pela assessoria do Governo. A primeira dela é sobre o atraso de oito meses no pagamento de enfermeiros do Estado. A outra falava sobre a pressão que enfermeiros estariam sofrendo para atender mesmo contaminados.

A Secom foi procurada seguidamente na noite deste domingo sobre esse assunto, mas não respondeu nossas mensagens. Até o fechamento desta atualização, Graciete Mouzinho não foi encontrada para comentar a nota do Estado. O Vocativo.com continuará as tentativas.

Foto: Secretaria de Estado da Comunicação (Secom)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: