Amazonas

Amazonas recebe 182.650 novas doses de vacinas contra a Covid-19

O Governo do Amazonas recebeu, na madrugada desta sexta-feira (16/04), a 13ª remessa de vacinas contra a Covid-19 enviadas pelo Ministério da Saúde (MS), por meio do Programa Nacional de Imunização (PNI). O lote recém-chegado a Manaus conta com um total de 182.650 doses dos imunizantes CoronaVac, fabricado pelo Instituto Butantan, e AstraZeneca, produzido pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Esta é a terceira maior remessa de vacinas já recebida pelo Estado.

A carga conta com 30.400 doses da vacina CoronaVac e 152.250 doses da vacina AstraZeneca, segunda maior remessa do imunizante da Fiocruz recebido pelo Amazonas. De acordo com o 11º Informe Técnico relativo à 13ª Pauta de Distribuição, emitido pelo Ministério da Saúde (MS) na quarta-feira (14/04), a nova remessa deverá atender a segunda dose de trabalhadores da saúde e da população de 65 a 69 anos.

O informe ainda ressalta que, adicionalmente, também serão distribuídas a primeira dose para trabalhadores da saúde, idosos de 60 a 69 anos, profissionais das Forças Armadas e forças de segurança e salvamento.

“É importante também fazer um apelo à população para que ela busque a segunda dose. A primeira dose não garante a imunidade completa, então é importante a segunda dose. Com essa carga de vacina a gente vai ampliar o alcance e garantir essa segunda dose”, explica o chefe de Departamento de Vigilância Ambiental (DVA) da FVS-AM, Elder Figueira.

Vacinômetro – Dados parciais do Programa Nacional de Imunização, da FVS-AM (PNI/FVS-AM), apontam que 705.357 doses foram aplicadas em todo o estado até esta quinta-feira (15/04), sendo 521.033 de primeira dose e 184.324 de segunda dose.

A informação está disponível no site da FVS-AM por meio do link https://bit.ly/3aTsndS. Até o momento, os três municípios do estado que mais aplicaram doses da vacina, segundo o levantamento, são Manaus (369.161), São Gabriel da Cachoeira (21.841) e Tabatinga (19.627).

Com informações da Secretaria de Estado da Comunicação (Secom). Foto: Herick Pereira/Secom

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: