Amazonas

“Camarote da vacina” também no Amazonas

Presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) apresenta projeto que permite empresas sediadas no Amazonas comprem vacinas. E com dedução integral de impostos

O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Roberto Cidade (PV), protocolou nesta quinta-feira (08/04), junto à Mesa Diretora da Casa, um Projeto de Lei (PL), que permite empresas sediadas no Amazonas a comprarem vacinas para imunizar os funcionários. Na última terça-feira (6), a Câmara Federal aprovou matéria semelhante.

De acordo com a propositura, a mesma quantidade de doses adquiridas por Pessoas Jurídicas será obrigatoriamente doada ao Sistema Único de Saúde (SUS). E os imunizantes devem ser aplicados de forma gratuita aos funcionários das empresas.

Especialistas ouvidas pelo Vocativo alertam, porém, que diante do cenário de escassez de vacinas no mercado mundial, esses movimentos vão gerar competição com o setor público, o que pode atrapalhar o Plano Nacional de Imunização (PNI). Você pode conferir a matéria clicando aqui.

Dedução de impostos – O Projeto de Lei prevê, também, que o valor gasto pelas empresas na compra das vacinas poderá ser deduzido de forma integral de impostos devidos pela Pessoa Jurídica ao Governo do Estado do Amazonas.

Foto: Evandro Seixas

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: