Covid-19: Governo silencia sobre lotação de hospital de referência do Amazonas

0

A Secretaria de Saúde do Estado do Amazonas (SES-AM) não respondeu questionamentos sobre a lotação de leitos, tanto clínicos quanto de Unidade de Terapia Intensiva (UTI’s) para Covid-19 no Hospital Delphina Aziz, na zona Norte de Manaus. Segundo matéria do G1 Amazonas, o hospital, que é referência no tratamento da doença causada pelo novo coronavírus no estado, estaria com 94% dos seus leitos ocupados, perto do colapso. Questionada pelo Vocativo sobre essa afirmação, a secretaria se limitou a responder:

O Governo do Amazonas colocou em operação o Plano de Contingência para o período Sazonal da Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag), que vai de novembro a junho, período que coincide com aumento dos casos de doenças respiratórias, incluindo Covid-19. O plano tem como principal objetivo aumentar o número de leitos para Covid-19 e reduzir as internações por outras causas na rede estadual de Saúde.

O Estado recebeu, na noite de domingo (25/10), 30 respiradores doados pelo Ministério da Saúde, que fazem parte desse plano de expansão de leitos da unidade, que é referência para as SRAGs.

Nesta segunda-feira inicia outra estratégia do plano que é a realização de cirurgias ortopédicas no período noturno com o objetivo de acelerar as desospitalizações de pacientes internados por causas externas.

Pacientes internados com problemas vasculares e para cirurgias de vias biliares estão sendo transferidos para atendimento em unidades de retaguarda da rede estadual de saúde. Já neste fim de semana foram transferidos dos HPSs 28 de Agosto e Platão Araújo, para o Hospital Geraldo da Rocha, 12 pacientes que necessitam de procedimentos vasculares de baixa e média complexidade. O plano dos atendimentos vasculares visa a desospitalização de cerca de 40 pacientes, em sua maioria de pé diabético, em 30 dias.

O Governo informa que o plano de contingência foi elaborado com antecedência e agora está entrando na fase operacional, devido o aumento nas internações por Covid-19. Sobre plano de expansão ou reativação do hospital de campanha da prefeitura, orientamos que solicite a informação da Prefeitura de Manaus.

Apesar de não responder sobre o questionamento, a Secretaria de Estado de Comunicação (Secom) enviou comunicado anunciando coletiva de imprensa para a manhã desta terça-feira (26/10), onde devem ser anunciadas novas medidas de enfrentamento da pandemia no Amazonas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui