Entretenimento

SEC lança aplicativo para audiodescrição no Festival Amazonas de Ópera

O 22º Festival Amazonas de Ópera começa nesta sexta-feira (26/4) com uma novidade: um aplicativo voltado para a audiodescrição dos espetáculos no Teatro Amazonas. O ADCultura.AM está inicialmente disponível para sistema operacional Android e, em breve, também será disponibilizado para IOS. A abertura do Festival será às 20h, com a ópera “Ernani”, de Giuseppe Verdi, apresentada em concerto.

Realizado pelo Governo o Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (SEC), com patrocínio master do Bradesco, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, Ministério da Cidadania e Secretaria Especial de Cultura, o 22º Festival Amazonas de Ópera segue com apresentações de ópera, recitais e concertos até 30 de maio.

O secretário estadual de Cultura, Marcos Apolo Muniz, reforça o empenho da secretaria em aprimorar as ferramentas de acessibilidade. “Procuramos sempre melhorar e ampliar os serviços voltados à inclusão da pessoa com deficiência, tornando a cultura acessível a todos os públicos”, afirma.

Direcionado a pessoas com deficiência visual ou baixa visão, o ADCultura.AM poderá ser utilizado da seguinte forma: antes de iniciar o espetáculo, o usuário deverá procurar o atendimento à pessoa com deficiência, no Teatro Amazonas, para instalação da ferramenta no dispositivo móvel (inicialmente, o app não está disponível nas lojas de aplicativos, só podendo ser instalado de forma presencial). O ADCultura.AM poderá ser utilizado após o usuário se conectar à rede local do Teatro Amazonas. É recomendável o uso de fones de ouvido.

A assessora de Inclusão da SEC, Sheila Campos, destaca que, além de se tratar de uma tecnologia mais atualizada, o aplicativo resultará em economia com pilhas e manutenção dos rádios de audiodescrição, além de não limitar o número de pessoas atendidas por espetáculo à quantidade de equipamentos disponíveis no Teatro Amazonas, que hoje é de 27.

“Qualquer pessoa com um celular poderá fazer uso dessa tecnologia, que vem somar às ações que a secretaria desenvolve nos seus espaços, como acessibilidade para cadeira de rodas e intérprete de Libras (Língua Brasileira de Sinais)”, pontua.

Sobre o 22º FAO – Em 2019, o Festival Amazonas de Ópera (FAO) celebra o centenário de nascimento de Claudio Santoro com a apresentação da ópera “Alma”, do compositor e maestro amazonense. Também estão na programação “Ernani”, de Giuseppe Verdi; “Maria Stuarda”, de Gaetano Donizetti; “Tosca”, de Giacomo Puccini; e “Mater Dolorosa”, baseada na cantata “Stabat Mater Dolorosa”, de Giovanni Pergolesi.

Os ingressos para o FAO 2019 já estão à venda na bilheteria do Teatro Amazonas e pelo site Bilheteria Digital (www.bilheteriadigital.com/teatroamazonas), com valores que vão de R$ 2,50 a R$ 60.

A programação do festival abrange ainda o Recital Bradesco, com canções compostas por Claudio Santoro; o projeto “Ópera Mirim”, que apresentará “L’enfant et les Sortilèges” (“O Menino e os Sortilégios”), de Maurice Ravel, feita com marionetes pelos artistas do Pequeno Teatro do Mundo; o encontro “Os Teatros de Ópera e a Economia Criativa na América Latina”, voltado para apresentar dados e casos de sucesso sobre a Indústria da Ópera na América Latina; o concerto do Dia das Mães; e Mulheres da Ópera.

Com informações e foto da assessoria de imprensa da SEC-AM

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: