Entretenimento

Segundo dia da Campus Party Rondônia já tem muita história amazonense para contar

A Campus Party Rondônia acontece em Porto Velho e já tem muita história amazonense para contar. No segundo dia da CP, quatro amazonenses palestraram, um teve uma participação especial no Palco Principal e duas lançaram oficialmente uma Comunidade.

A ‘Norte Campus’ é a Comunidade criada pela divulgadora científica Yara Laiz Souza e a jornalista Juçara Menezes. “Nasceu na primeira edição da Campus Party na Amazônia com objetivo de promover uma maior participação da Região Norte nas edições das CP que acontecem pelo País”, afirmou Yara.

Comunidade é uma organização física ou virtual que reúne pessoas com interesses em comum, com a finalidade de compartilhar conhecimento, divulgar projetos ou defender uma causa dentro das áreas temáticas da Campus Party: Ciências, Segurança de Redes, Software Livre, Astronomia, Design Multimídia, Games e Empreendedorismo, por exemplo.

A nova comunidade recebeu o apoio do presidente do Instituto Campus Party, Francesco Ferrugia; o diretor geral da CP no Brasil, Tonico Novaes; o diretor de Conteúdos Thalis Antunes; e do engenheiro da Nasa e palestrante magistral, Gabe Gabrielle.

“O lançamento oficial aconteceu durante o painel ‘A Campus Party é as comunidades’, quando fomos convidadas pelo Bruno Viana (da Távola Quadrada) a falar sobre nossas experiências”, assinalou Juçara.

Participação em massa

No Palco Games & Creativity, Guilherme Lestat falou sobre a ‘Expansão dos eventos Geek e o empreendedorismo na cidade de Manaus’; Ives Montefusco palestrou sobre StartUps e a Economia do Futuro, no Palco Entrepreneurship & Startup; já o Palco Coders & Makers recebeu Douglas Matheus e Ingrid Celeste, palestrando sobre Astronomia e desenvolvimento da Humanidade e Incentivando a Ciência através do ensino de Astronomia em escolas públicas de Manaus, respectivamente.

No Palco Feel The Future (Principal), Paulo Teles Yonami participou da palestra Três passos para melhorar a carreira. “Fui chamado pelo Bruno Souza para explicar uma técnica que ele abordou, baseada na definição de foco”, contou o desenhista.

Por Juçara Menezes – 1 Minuto Nerd

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.