Esportes

Copa 2018: valendo um lugar na história

avatares_copa2018_002

A 21ª Copa do Mundo termina neste domingo, dia 15 de julho, com partida final entre as seleções da França e Croácia. A primeira fase foi disputada por 32 seleções e foi marcada ela eliminação da Alemanha, campeã de 2014, e que terminou em último lugar no Grupo F. Das cinco sul-americanas quatro conseguiram passar para a segunda fase, mas nenhuma chegou nas semifinais, onde só atuaram seleções europeias.

A Bélgica conseguiu sua melhor posição em Copas ao derrotar a Inglaterra, nesse sábado (14), por 2 a 0, na disputa do terceiro lugar. A grande final deste domingo (15) vai envolver a campeã de 1998, a França, contra uma estreante em final de Copa, a Croácia, terceira colocada também em 1998.

França

Os franceses são treinados por Didier Deschamps, capitão da equipe na final de 1998 e que pode se tornar o terceiro esportista campeão do mundo como jogador e treinador. Os dois primeiros foram o brasileiro Zagallo e o alemão Franz Beckenbauer.

Para chegar na final, a França foi cabeça de chave do Grupo C e ficou em primeiro lugar do grupo ao derrotar a Austrália por 2 a 1, o Peru por 1 a 0 e empatar com a Dinamarca, no único 0 a 0 da Copa. Nas oitavas de final derrotou a Argentina por 4 a 3. Nas quartas derrotou o Uruguai por 2 a 0 e, nas semifinais, ganhou da Bélgica por 1 a 0. Foram seis jogos, com cinco vitórias e um empate. Antoine Griezmann e Kylian Mbappe são os artilheiros da França, com três gols cada.

Croácia

A Croácia chega pela primeira vez numa final de Copa e é a 13ª seleção a conseguir esta marca. Não foi cabeça de chave mas ficou em primeiro lugar no Grupo D. Ganhou da Nigéria por 2 a 0, ganhou da Argentina por 3 a 0 e ganhou da Islândia por 2 a 1. Na fase eliminatória passou por três prorrogações e duas disputas de tiros livres.

Nas oitavas eliminou a Dinamarca nos tiros livres depois de 1 a 1 no tempo regulamentar e prorrogação. Nas quartas de final ganhou da Rússia nos tiros livres depois de 2 a 2 no tempo regulamentar e prorrogação. Já nas semifinais ganhou da Inglaterra, na prorrogação, por 2 a 1. Os croatas marcaram 12 gols e sofreram cinco. Luka Modric e Mario Mandizukic são os artilheiros, com dois gols cada.

Arbitragem

O jogo deste domingo começa ao meio-dia, horário de Brasília, correspondente às 18h, em Moscou. O trio de arbitragem será argentino, tendo Nestor Pitana como árbitro central e auxiliado por Hernan Maidana e Juan Pablo Belatti.

Com informações da Agência Brasil. Foto: Federação Croata de Futebol

FRANÇA X CROÁCIA

Local: Estádio Luzhnikí, em Moscou (Rússia)
Data: 15 de julho de 2018 (Domingo)
Horário: 12h(de Brasília)
Árbitro: Nestor Pitana (Argentina)
Assistentes: Hernan Maidana (Argentina) e Juan Belatti (Argentina)

FRANÇA: Hugo Lloris, Benjamin Pavard, Samuel Umtiti, Raphaël Varane e Lucas Hernández; N’Golo Kanté, Paul Pogba e Blaise Matuidi; Kylian Mbappé, Antoine Griezmann e Olivier Giroud
Técnico: Didier Deschamps

CROÁCIA: Danijel Subasic, Sime Vrsaljko, Dejan Lovren, Domagoj Vida e Ivan Strinic; Marcelo Brozovic, Ivan Rakitic e Luka Modric; Ante Rebic, Ivan Perisic e Mario Mandzukic
Técnico: Zlatko Dalic07

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.