Amazonas

TJAM mantém suspenso aumento de 83% do cotão da CMM

Em mais uma decisão da Ação Popular ajuizada pelos vereadores Rodrigo Guedes (PSC) e Amom Mandel (sem partido), o desembargador Paulo Lima, indeferiu a argumentação feita pela Câmara Municipal de Manaus (CMM) na tentativa de manter o aumento de 83% da Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar (CEAP), o cotão, nessa sexta-feira (04/02/2022).

Com a decisão, o aumento, que elevou o valor do cotão para R$ 33 mil, votado em regime de urgência na sessão plenária de 15 de dezembro de 2021, estabelecido na Lei Ordinária n.º 505, se mantém suspenso.

Com informações da assessoria do vereador Rodrigo Guedes

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: