Amazonas

Justiça suspende construção do prédio anexo da Câmara Municipal de Manaus

O juiz Marcelo Manuel da Costa Vieira, da 8ª Vara do Juizado Especial Cível do Amazonas, suspendeu nesta sexta-feira (17/09/21) a construção do segundo prédio anexo na Câmara Municipal de Manaus (CMM). A decisão atende uma Ação Popular dos vereadores Rodrigo Guedes (PSC) e Amom Mandel (sem partido) na Vara da Fazenda Pública Municipal da Justiça do Estado para impedir a realização da obra, prevista para custar quase R$ 32 milhões.

Com o valor de R$ 31.979.575,63, conforme o Edital de Concorrência nº 001/2021, que dispõe das condições para o processo de licitação para contratação de empresa de engenharia, a obra deve alocar os servidores e parlamentares da Casa Legislativa, assim como os visitantes. O prédio deve possuir quatro andares e um total de quase 12 mil metros quadrados, conforme o plano diretor da obra. A data do processo licitatório será dia 18 de outubro deste ano, na forma de concorrência pública.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: