Amazonas

Heineken anuncia saída da Zona Franca de Manaus

O grupo Heineken anunciou nesta sexta-feira (04/03/2022) a transferência de sua unidade produtiva de concentrados para refrigerantes da Zona Franca de Manaus para a cidade de Itu, no interior de São Paulo. A saída da fabricante de bebidas acontece no momento em que a ZFM sofreu forte abalo com a decisão do governo federal de reduzir a alíquota do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para a linha branca em 25%.

A empresa justificou a decisão afirmando que conseguirá aumentar a eficiência da sua produção, reduzir sua emissão de carbono e ainda acelerar a chegada dos produtos aos pontos de venda. “O Grupo reafirma sua aposta e confiança no mercado brasileiro, onde tem buscado crescer de forma respeitosa e sustentável, e agradece toda a comunidade de Manaus e do Estado do Amazonas pelo acolhimento durante todos esses anos de operação local”, diz trecho da nota.

A Zona Franca vem sofrendo sérios abalos nos últimos anos. A pandemia da Covid-19 causou a pior crise já registrada pelo principal modelo econômico do Estado, desde sua criação na década de 1960, com queda de 53% na demanda no setor de bens e consumo duráveis. Entre 2020 e 2021, as fábricas da Pepsi, Canon, Sony e Panasonic também deixaram a região.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: