Amazônia

Governador anuncia que decreto do IPI que prejudicava a Zona Franca será republicado

Em postagem nas redes sociais, o governador do Amazonas, Wilson Lima, afirmou o Decreto Federal 10.979/2022, que reduziu a alíquota do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para a linha branca em 25% será republicado e os produtos que são fabricados na Zona Franca de Manaus e que já possuem seu Processo Produtivo Básico (PPB) não terão o IPI reduzido.

O anúncio foi feito em Brasília durante viagem de uma comitiva de lideranças políticas do estado. Segundo Wilson Lima, o ministro da economia Paulo Guedes garantiu que o decreto será republicado com as alterações. “Isso garante competitividade das empresas instaladas no Polo Industrial de Manaus e, consequentemente, a manutenção de mais de 400 mil empregos diretos e indiretos em nosso estado”, afirmou. Vale lembrar, no entanto, que a equipe do ministro havia prometido que a Zona Franca de Manaus ficaria fora do decreto, o que acabou não acontecendo.

Da forma como estava, o decreto causaria perdas de R$ 253,1 milhões aos Municípios do Amazonas, entre 2022 e 2024. O cálculo foi feito e divulgado pela Confederação Nacional de Municípios (CNM). Ao todo, quase R$ 15,6 bilhões serão retirados dos municípios do país.

3 comentários

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: