Amazonas

Cresce número de atrasados da segunda dose da vacina contra a Covid-19 em Manaus

Nesta quinta-feira (19/08/21), a prefeiturad de Manaus confirmou que o número de pessoas atrasadas para receber a segunda dose da vacina contra a Covid-19 aumentou para 37.382, sendo 15.800 da CoronaVac; 19.330 da AstraZeneca e 2.252 da Pfizer. O número representa um aumento de 24% em relação a quinze dias atrás.

“É fundamental as pessoas se conscientizarem que apenas com as duas doses indicadas pelos laboratórios será possível fechar o ciclo vacinal, que vai garantir a eficácia das vacinas. E que apenas com esse ciclo completo, a população poderá ficar mais segura. Portanto, nós apelamos a quem ainda não voltou para tomar a segunda dose, que procure nossos pontos de vacinação, não importa quanto tempo tenha passado”, alerta a secretária de saúde da capital, Shádia Fraxe.

A secretária da Semsa faz questão de destacar a necessidade do retorno para a segunda dose, nos prazos de cada um dos três imunizantes que estão sendo utilizados na campanha: 28 dias para a CoronaVac/Butantan e 84 dias para as vacinas AstraZeneca/Oxford e Pfizer/BioNTech.

Adolescentes

Por outro lado, mais de 100 mil adolescentes de 12 a 17 anos já receberam a primeira dose da vacina contra a Covid-19, em Manaus. Em cinco dias de atendimento, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) registra uma média de 20 mil doses aplicadas em jovens de 12 a 17 anos, por dia. Nesse período, para todas as faixas etárias, foram aplicadas 146.188 doses de imunizantes. Desde o início da campanha, em janeiro deste ano, já foram aplicadas quase 1,8 milhão de doses na capital.

Até esta sexta-feira, a Semsa estará atendendo para a vacinação, em seis pontos estratégicos: Arena da Amazônia; Centro de Convenções de Manaus, “sambódromo”; Clube do Trabalhador do Sesi-AM; Studio 5 Centro de Convenções; shopping Phelippe Daou; e Centro de Convivência da Família Padre Vignola. Nesses locais estão sendo oferecidas a primeira dose para adolescentes de 12 a 17 anos e para o público em geral, a partir de 18 anos, e também a segunda dose dos três imunizantes utilizados até o momento (Pfizer, AstraZeneca e CoronaVac).

Além desses, 34 unidades de saúde da Semsa oferecem exclusivamente a segunda dose da vacina AstraZeneca/Oxford. O horário de atendimento em todos os pontos é das 9h às 16h. A secretária dShádia Fraxe, orienta os pais e responsáveis que os jovens sejam acompanhados apenas por uma pessoa maior de 18 anos, para que não haja aglomeração nos pontos de vacinação.

“Entendemos que esse é um momento muito importante na vida dos adolescentes, e que muitas famílias fazem questão de acompanhar. Mas precisamos pensar coletivamente, por isso destacamos a necessidade de que apenas o jovem e um responsável compareçam aos locais de vacinação”, explica.

Ela também orienta aquelas pessoas que ainda não tomaram a primeira dose façam o cadastro na plataforma Imuniza Manaus, no link https://imuniza.manaus.am.gov.br para facilitar o atendimento nos pontos, no momento de ser vacinado.

Documentos

Os adolescentes de 12 a 17 anos devem, obrigatoriamente, comparecer acompanhados de um responsável, maior de 18 anos. Caso não sejam os pais, o acompanhante deverá assinar uma declaração no verso do comprovante de residência. Para esse público é exigida a apresentação de documento de identidade ou certidão de nascimento, CPF ou Cartão Nacional do SUS (CNS) e um comprovante de residência (com cópia).

Para os que têm acima de 18 anos, é necessária a apresentação de um documento de identificação com foto, original, CPF e um comprovante de residência, com cópia que ficará retida para controle. No caso da segunda dose, basta a apresentação do documento de identidade, CPF e o cartão de vacina com o registro da primeira dose.

Os endereços dos pontos de vacinação estão disponíveis no site da Semsa (https://semsa.manaus.am.gov.br) e nos perfis da secretaria no Instagram (@semsamanaus) e Semsa Manaus, no Facebook.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: