Conmebol anuncia novidades para a Copa América, Libertadores e Sul-Americana

0

O Brasil começa a defender o título da Copa América no dia 13 de junho do ano que vem, em Medellin (Colômbia) contra a Venezuela. A tabela completa da competição foi divulgada nesta quinta-feira (13) pela Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol). O torneio seria disputado entre junho e julho de 2020, mas foi adiado para 2021 devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19).

A seleção brasileira está no Grupo B, com sede na Colômbia. Além dos venezuelanos e dos anfitriões, também estão no caminho Peru, Equador e Catar, novamente convidado. O atual campeão asiático esteve na edição de 2019, no Brasil. Após a estreia, a equipe de Tite atuará duas vezes em Cali e duas em Barranquilla. Os quatro times mais bem colocados da chave avançam às quartas de final.

É a primeira vez que a Copa América será disputada em dois países. Entre 1975 e 1983, a competição ocorreu em jogos de ida e volta, na casa dos países envolvidos. Com 15 títulos, o Uruguai é o maior vencedor, seguido pela Argentina, com 14. O Brasil foi a nove troféus, com a conquista de 2019. Paraguai, Chile e Peru somam duas taças, enquanto Colômbia e Bolívia ganharam uma. Das seleções sul-americanas, somente Equador e Venezuela nunca venceram o torneio.

Libertadores e Sul-Americana

A Conmebol ampliou de 30 para 40 o número de jogadores que podem ser inscritos na Copa Libertadores da América e na Copa Sul-Americana. A determinação foi publicada também nesta quinta-feira (13), após reunião virtual do conselho da entidade.

Desta forma, a Conmebol espera manter o nível de competitividade das equipes diante do cenário de imprevisibilidade devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19). A decisão leva em consideração o desgaste dos times, uma vez que campeonatos nacionais como os de Brasil, Paraguai e Uruguai reiniciaram, e clubes de Chile e Argentina, por exemplo, já retornaram os treinamentos.

A ampliação do número de jogadores inscritos tem efeito direto em algumas equipes brasileiras. A Libertadores da América volta no dia 15 de setembro, com o Athletico-PR em campo para enfrentar o Jorge Wilstermann, da Bolívia, fora de casa. Ainda no dia 15 de setembro, o Santos joga contra o Olimpia, na Vila Belmiro.

Flamengo e São Paulo retornam à Libertadores no dia 17 de setembro. Com 100% de aproveitamento, o Rubro-Negro mede forças com o Independiente del Valle, do Equador, no estádio Chillogallo. Já o Tricolor faz o clássico com o River Plate, no Morumbi.

A Copa Sul-Americana tem previsão de retorno no fim de outubro. Vasco e Bahia são os únicos representantes brasileiros que passaram da primeira fase. Fluminense, Fortaleza, Atlético-MG e Goiás foram eliminados.

Com informações da Agência Brasil. Foto: Conmebol

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui