Provocativo

Há limites para a estupidez de Bolsonaro?

Seu ato intempestivo e completamente inaceitável para um chefe de Estado mostra que Bolsonaro não tem o mínimo equilíbrio emocional para o cargo que ocupa

Seu ato intempestivo e completamente inaceitável para um chefe de Estado mostra que Bolsonaro não tem o mínimo equilíbrio emocional para o cargo que ocupa

O presidente da República Jair Bolsonaro postou nesta terça-feira (05), via Twtter, um vídeo onde dois rapazes homossexuais passam do limite e promovem atos libidinosos em público no carnaval. Mais precisamente a prática chamada de “golden shower” (traduzido: chuva dourada), quando uma pessoa sente satisfação sexual com outra urinando nela.

O objetivo do presidente fascista era atacar a festa e a comunidade LGBT, generalizando o ato público como se fosse comum para os amantes do carnaval e membros da comunidade. O efeito foi exatamente o contrário: além de perceber o intuito preconceituoso, o vídeo foi censurado pela rede social e o ato de um chefe de Estado espalhar tal conteúdo virou escândalo e piada internacional.

Ora, há todo tipo de gente que passa do limite no carnaval, seja LGBT ou não. Como em qualquer evento de grande público, com outras temáticas, como esportes e política. E por mais repulsiva que a prática em questão pareça para a maioria, ela não é exclusiva de homossexuais. Logo, a generalização em si é fruto de falso moralismo do presidente, provavelmente motivado pelos vídeos com coros de xingamentos que viralizaram no carnaval.

Seu ato intempestivo e completamente inaceitável para um chefe de Estado mostra que Bolsonaro não tem o mínimo equilíbrio emocional para o cargo que ocupa. Atacar uma das festas mais tradicionais no Brasil não é apenas um ato de quebra de decoro, como também de burrice, haja visto que trata-se de uma das indústrias turísticas mais fortes do país, que precisa de incentivo em tempos de crise econômica.

Em qualquer país que leve leis e ética à sério, Bolsonaro seria chamado para dar explicações no Congresso Nacional pela sua atitude velhaca. E dependendo dela, isso poderia lhe custar o cargo. Esperamos que esse episódio tenha mínima atenção nos próximos dias. O país não pode ser refém de um alucinado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.